quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Sonic Lost World [ẂiiU] [EUR] [Loadiine Ready]


Sonic percorreu um longo caminho desde que ligamos nossos Mega Drives e ouvimos “SEGAAAA” pela primeira vez. Criado para rivalizar com Mario pelo posto de maior mascote dos videogames, o ouriço acabou passando por maus bocados quando a Sega parou de produzir seus próprios consoles, perdendo não apenas seu lar, mas também sua identidade.

Mesmo depois de se meter em algumas aventuras sem pé nem cabeça, transformando-se em lobisomem e viajando aos tempos medievais, seus fãs nunca o abandonaram, ansiosos pelo momento em que o personagem reencontraria sua melhor forma. Depois dos excelentes Sonic Colors e Sonic Generations, as expectativas para que a Sonic Team lançasse mais um ótimo jogo estavam bem altas. E não é que ela conseguiu?

O Sexteto Sinistro. As confusões de Lost World começam quando Eggman, aquela bolota bigoduda que tanto gostamos de derrotar nos velhos jogos da série, escraviza um grupo de Zeti e planeja usar seu poder para derrotar Sonic e Tails. O problema é que esses Zetis integram um sexteto muito poderoso (acho que o nome Deadly Six já dava uma boa dica disso, né?) e, ao escapar das garras de Eggman, se apoderam de seus robôs e máquinas e planejam destruir todo o planeta. Assim, a mais improvável das alianças é formada, obrigando Sonic e Eggman a trabalharem juntos contra esses inimigos em comum.

Claro que, como em todos os grandes jogos de plataforma, essa historinha é só uma desculpa para partirmos rumo à ação, e Sonic Lost World não decepciona nesse aspecto. Ainda assim, é melhor tirarmos o elefante da sala de uma vez: o jogo se parece bastante com Super Mario Galaxy. Mas se engana quem pensa que isso é algo necessariamente ruim. É verdade que em certos momentos essa mudança drástica de foco na jogabilidade torna a experiência um tanto estranha para os fãs de longa data do velocista azulado, mas isso acaba sendo compensado pelo sentimento de novidade que permeia a aventura.
 
Super Sonic Galaxy. Uma das maiores semelhanças com a saga espacial do encanador bigodudo é o fato de que as fases de Lost World são estruturadas em pequenas áreas (tá bom, tá bom, chega de charme, todos sabemos que essas áreas são planetinhas mesmo) interligadas por saltos que desafiam todas as leis da física. Assim, algumas vezes você precisa percorrer grandes planetas em forma de pista de corrida, cheios de obstáculos e anéis para colecionar, enquanto outros são pequenas esferas onde você precisa destruir todos os inimigos para poder prosseguir.
Esses momentos acabam desacelerando um pouco a ação e podem frustrar aqueles que só querem saber de correr a toda velocidade. A recomendação aqui é manter a mente aberta e tentar curtir a nova identidade dos jogos de Sonic, pois por baixo das semelhanças com Super Mario Galaxy se esconde um jogo de plataforma muito bem construído que mantém todos os elementos que mais gostamos nos velhos jogos do Sonic.

Correr em loops a toda velocidade faz a alegria de qualquer fã. Na verdade, não fosse por algumas fases mais chatinhas e sem inspiração, daria para afirmar sem medo que esse é o jogo que conta com os cenários mais criativos e bem bolados da série, já que a maioria deles está repleta de colecionáveis e rotas alternativas implorando para ser exploradas. O visual do jogo é belíssimo e vibra de tanta vida. Flores se sacodem de um lado para o outro, a água cintila no sol e os cenários de fundo mais parecem pinturas. E, enquanto você admira tudo isso, lindas músicas dão o tom perfeito para a exploração. Ou seja, um prato cheio para os fãs de plataforma.

Corra, Sonic, corra! Para facilitar o novo sistema de exploração de cenários, os movimentos de Sonic estão bem diferentes do que estamos acostumados. Para começo de conversa, pela primeira vez na história da série temos um botão dedicado à corrida. Não estou falando do clássico spin dash, em que você pode ficar parado em forma de bola para depois soltar o botão e correr a toda velocidade, mas sim de um sistema inspirado em… bem, que tal uma mistura de Super Mario e Assassin’s Creed?

Parece que Sonic aprendeu alguns truques de parkour... Segurando o botão de corrida, Sonic aperta o ritmo e pode dar pulos bem altos, além de ganhar a capacidade de escalar automaticamente todos os obstáculos e paredes a sua frente, no melhor estilo dos assassinos da série da Ubisoft. Leva algum tempo para se acostumar com esse novo esquema de corrida, e você provavelmente vai morrer algumas vezes ao escalar uma parede sem querer, mas nada que comprometa consideravelmente a jogabilidade. Diferente da câmera, que em algumas passagens pode ficar um pouco perdida e causar tontura. Não é algo frequente, mas poderia ter sido arrumado pela galera da Sonic Team.

Só faltou mesmo poder jogar com o Tails... Ao menos ainda temos todos os velhos movimentos de Sonic que tanto amamos. O Homing Attack retorna mais preciso do que nunca, permitindo que o jogador trave a mira em um inimigo antes de desferir um ataque certeiro, e até mesmo os Colors do jogo de Wii e DS dão as caras por aqui, mais divertidos do que nunca. Afinal, agora podemos usar a tela de toque do GamePad para usar esses power-ups, desenhando caminhos para o poder Drill furar o solo, ou até mesmo desenhando um caminho no tempo certo para que o poder Rhythm possa saltitar pelo cenários.
 
As maravilhas do Miiverse. A integração com o universo online da Nintendo dá um show e, possivelmente, é a melhor já feita para o Wii U até agora. Conforme você progride pela aventura principal, os simpáticos Wisps aparecem trazendo itens bem úteis, que vão desde anéis e vidas-extras até escudos protetores. Se você estiver com o inventário cheio (dá para carregar até cinco itens por fase), é possível dar seus itens de presente pelo Miiverse, junto com desenhos e mensagens.

Permitir a troca de itens pelo Miiverse foi uma ótima ideia da Sonic Team. Além disso, Lost World conta com um divertidíssimo modo de time attack. Funciona assim: depois de passar de uma fase, você pode revisitá-la para tentar uma corrida contra o tempo, recebendo uma nota de acordo com sua performance. Aí basta você clicar em “Ranking” e filtrar as colunas para comparar sua marca com o resto do mundo, com jogadores do seu país, ou apenas com os seus amigos. Quando escrevi essa análise ainda não havia muitos brasileiros jogando, mas ainda assim a competição já estava muito divertida. Quem quiser bater um racha com esse redator que vos escreve pode me adicionar no Miiverse com o nome “thomshoes”. 

Espero Como se tudo isso já não fosse legal o bastante, o jogo ainda pode se conectar com a versão de 3DS para que itens e veículos sejam trocados, e há um modo para dois jogadores no qual um amigo pode lhe ajudar pelas fases controlando uma navezinha, o que facilita bastante a sua vida. Aliás, essa ajuda vem bem a calhar, já que o grau de dificuldade do game acaba ficando bem elevado a partir da metade da aventura, então se prepare para perder muitas vidas se for jogar sozinho.

Depois de terminar a aventura, percebi que me sentia como o mesmo moleque que gastava suas tardes livres curtindo as aventuras de Sonic no Mega Drive e Master System. O universo do personagem é apaixonante e Lost World faz justiça ao legado do ouriço. Se você, como eu, é um velho fã, vai sorrir com todas as referências aos velhos jogos que a Sonic Team colocou na aventura. Mas se você nunca experimentou um jogo do personagem, não há hora melhor de começar. Agora vou lá marcar mais uns tempos no time attack. Quem me acompanha?

Trailer:


Informações do Game:
Desenvolvedora: Dimps Corporation, Sonic Team
Distribuidora: SEGA
Gênero: Plataforma
Lançamento: 22.10.2013
Nota IGN: 5,8

Informações do arquivo:
Idiomas: EN, FR, DE, ES, IT
Região: PAL
Loadiine Ready: Sim
ID: ASNP8P
Tamanho: 6.33 GB
Firmware mínima: 4.1.10

Download via [MEGA] links maiores que 
1GB, Click na imagem para saber como 
driblar o limite de banda:






Conheçam também a nossa Loja Virtual no Mercado Livre, ela ainda é um pequeno gafanhoto, mas em breve se tornará um louva-deus através do apoio de vocês!


Conheçam também meu antigo blog focado em conteúdo Geek, ele estava parado, e estou voltando a atualizá-lo 
aos poucos também

Adquira uma conta/Combo nos nossos links, é muito barato!  Melhore a velocidade dos seus downloads e consequentemente vai estar contribuindo com o blog.
Contas Premium
Contas Premium
Contas Premium



Download MEGA:
Parte 01 / Parte 02 / Parte 03 / Parte 04
Download GoogleDrive:
Parte 01 / Parte 02 / Parte 03 / Parte 04
Download Owncould [Link Direto]:
Parte 01 / Parte 02 / Parte 03 / Parte 04

Sigam-nos nas redes sociais

Baixou, curtiu, aprendeu, foi legal? Por favor, comente, e compartilhe isto no Facebook, Twitter, etc. É só clicar nos botõezinhos aqui em abaixo, ou nesta barra horizontal permanente, aqui do seu lado direito da página. 
Nos ajude e ajude a compartilhar.

Nenhum comentário :

Comentários Publicados