quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Eternal Darkness Sanity's Requiem [NTSC] [USA] [Gamecube] [GCN] [Link Direto]


Não é todo jogo que começa com uma citação de Edgar Allan Poe e tem seu roteiro escrito por profissionais com um diploma em letras e fãs de Shakespeare. Mas até aí, poucas empresas são como a Silicon Knights, a criadora de Eternal Darkness.

Apesar de ser um dos pontos mais importantes do jogo, tentar explicar sua trama aqui não seria muito útil. Basta dizer que você controla Alex Roivas, uma jovem mulher cujo avô foi assassinado em circumstâncias misteriosas que, segundo descobertas a serem feitas durante a aventura, involvem um antigo mal que ameaça o futuro da humanidade. O fator que liga todos os envolvidos é um livro feito de carne, pele e ossos, o Tomo da Escuridão Eterna. E é lendo os diferentes capítulos desse livro que Alex 'vive' as narrativas de cada um dos personagens do jogo (que o jogador deve controlar para chegar ao fundo da verdade).

Eternal Darkness lembra muito Alone in the Dark, o game que serviu de inspiração para Resident Evil. Além de ser muito mais sutil em sua maneira de garantir suspense do que o jogo da Capcom, a Silicon Knights inventou um truque bastante interessante para deixar o consumidor sempre alerta: insanidade.


Todos os personagens estão sujeitos a perder suas cabeças com o nervosismo da situação em que estão envolvidos... e à medida que isso acontece, dúzias de efeitos vão atingir você. Alguns deles são ligados ao alter ego (seu personagem aparece no quarto com 30 centímetros de altura), enquanto outros perturbam diretamente o jogador (o jogo 'termina' no meio de uma sessão de jogo como uma propaganda de uma suposta continuação). Alguns são discretos, outros exagerados. Mas a verdade é que a grande maioria deles é bastante original... e terrivelmente perturbadora.

O jogo em si é relativamente caprichado. Os quebra-cabeças certamente fazem muito mais sentido que a maioria dos encontrados em Resident Evil e Silent Hill, enquanto o sistema de batalha é simples, porém eficiente. Você mira certas partes do corpo dos inimigos, podendo encontrar diferentes efeitos para cada ataque. Como espadas batem nas paredes, você precisa ser cuidadoso com seus ataques em lugares fechados (que constituem uma parte enorme da aventura). O destaque fica por conta dos inimigos, cada qual com poderes, peculiaridades e capacidades diferentes. Um exemplo interessante é uma pequena criatura que se parece com um escorpião, totalmente cega, que só consegue rastrear você através de som. Se você chegar muito perto, ela o transporta para uma dimensão paralela.

Um aspecto que merece atenção destacada é o sistema de magias, que permite ao jogador criar seus próprios encantamentos com alguns elementos básicos. Além de oferecer um bom toque de estratégia ao combate, elas adicionam mais uma camada de profundidade à experiências.

É esse tipo de criatividade que garante o interesse do jogador durante toda a trama. Situações e lugares inusitados garantem que sua atenção esteja toda na tela, enquanto os efeitos de insanidade farão você questionar se isso é a melhor coisa que você poderia estar fazendo. E com três jornadas diferentes (com direito a uma recompensa para quem completar todas) e muitos detalhes opcionais, mesmo sendo relativamente curto o jogo garante bastante diversão.

Eternal Darkness, do ponto de vista técnico, é um jogo bastante competente. Seus gráficos estão longes de adjetivos como 'revolucionário', mas o cuidado com direção de arte consegue esconder isso muito bem. O uso de luz e sombra é um dos mais profissionais já vistos em um videogame, indo além de uma mera demonstração técnica para estabelecer ainda melhor o ambiente. A trilha sonora e dublagens são de alta qualidade, mas o que chama atenção mesmo é a 'atuação' dos modelos 3D, que é bem mais caprichada do que a média.

Eternal Darkness pode não parecer grande coisa se você tentar destrinchar cada elemento separadamente e analisar suas capacidades com as comuns espectativas de jogos de videogame. Mas ele é um clássico caso onde o todo é muito maior que a soma das partes, e a experiência provavelmente deixará muita gente comentando suas sessões de jogo por muitos anos.


Trailer:


Informações do Game:
Desenvolvedora: Silicon Knights
Distribuidora: Nintendo
Gênero: Survival Horror
Lançamento: 23.06.2002
Nota Gamespot: 9,4

Informações do Arquivo:
Original Release: Eternal Darkness (U)(RARE)
ID: G4BE08 
Idiomas: English
Região: NTSC-U / US
Tamanho: 1.17 GB
FSTFIX: Não
PASSWORD / SENHA: 3dsounada

Download via [MEGA] links maiores que 
1GB, Click na imagem para saber como 
driblar o limite de banda:





Conheçam a nossa Loja Virtual no Mercado Livre, ela ainda é um pequeno gafanhoto, mas em breve se tornará um louva-deus através do apoio de vocês!

Conheçam também noss outro blog focado em conteúdo Geek. Enconte Animes, Séries, filmes, Tokustsus, Softwares com Crack e ativador para Widows, Softwares para Linux, ISO de Windows Atualizado e+. Ele estava parado, e estamos voltando a atualizá-lo aos poucos também!

Adquira uma conta/Combo nos nossos links, é muito barato!  Melhore a velocidade dos seus downloads e consequentemente vai estar contribuindo com o blog.
Contas Premium
Contas Premium
Contas Premium


https://fb.me/3dsounada

Download: Link DIreto / GoogleDrive / OneDrive / YandexDisk
MEGA Key: !
Sigam-nos nas redes sociais!

Baixou, curtiu, aprendeu, foi legal? Por favor, comente, e compartilhe isto no Facebook, Twitter, etc. É só clicar nos botõezinhos aqui em abaixo, ou nesta barra horizontal permanente, aqui do seu lado direito da página. 
Nos ajude e ajude a compartilhar.
É o mínimo que você pode fazer!

Nenhum comentário :

Comentários Publicados